Alterações da Deglutição e Mastigação

Sabem quando estamos constipados e não conseguimos manter a boca fechada para comer? Há pessoas que, não estando constipadas, comem e respiram pela boca ao mesmo tempo, fazendo barulhos incómodos, e muitas vezes até se engasgam ou ficam a “raspar” na garganta depois de engolir. Se olharmos para o rosto dessas pessoas, podemos ver bochechas descaídas e um duplo queixo saliente, a dita “papada”. A primeira ideia que se tem é que é apenas falta de educação, mas estas pessoas possuem uma Alteração da Deglutição e Mastigação.

Se conhecem pessoas que deixaram de mexer um lado da cara (paralisia facial) sabem que estas pessoas costumam babar-se, deixam cair comida pelo canto da boca quando estão a comer e ficam engasgadas com frequência. Apesar de mais complexo, é outro exemplo onde se encontram Alterações da Deglutição e Mastigação.

A alimentação constitui uma necessidade básica do ser humano e é promotora de momentos de prazer e interação social.

Os processos de mastigação e deglutição têm um foco muito importante na intervenção do Terapeuta da Fala. Estas perturbações, designadas disfagias, incluem qualquer distúrbio da passagem do alimento desde a boca até ao estômago. Podem ocorrer por lesões neurológicas (AVC, traumatismos cranioencefálicos, doenças neurodegenerativas, …), doença/tratamento oncológico, tratamento ortodôntico, entre outros.

Para além do tratamento patológico, o treino de mastigação e deglutição pode ser indicado para pessoas em mudança de regime alimentar, para perda de peso, e para redefinição da musculatura do rosto (consulte mais informações em Mioterapia Estética Facial).

Métodos/Técnicas complementares: Bandas Neuromusculares, Eletroestimulação Neuromuscular.

Pin It on Pinterest